segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

FILIUS EST PARS PATRIS!

6 comentários:

Xico Silva disse...

Ao menino e ao borracho...põe Cajuda a mão por baixo.

E então se acumular até põe as duas, mãos, claro, para orientar o animal.

Cento Cultural e Académico D. Dinis disse...

Disse, disse.
Vocês conhecem o pai?

Manel Cajuda disse...

Tive um filho pequenino,
Tive dores e vi-me à rasca,
Mal diria o destino que o sacana do menino,
Viria a ser panasca.

Manel cajuda disse...

Alistou-se no quartel,
O sacana do rapaz,
Do Soldado ao Furriel, do Tenente ao Coronel
Todos lhe foram por trás.

Manel Cajuda disse...

Já não és o meu menino,
Já não és o meu Lulu,
Antes queria passar fome,
Que ter um filho que come pelas barbatanas do cú.

Velho Gosma disse...

Ó Manel Cajuda, lá que tu tenhas tido essa desdita não queiras lançar esse ferrete estigmatizante no meu afilhado.